Temple Bar | Dublin, Irlanda

O Temple Bar num dia de sol em Dublin, sem pessoas
O Temple Bar sob um céu a amanhecer, capturando a essência de Dublin numa única imagem.

Uma viagem a Dublin promete cultura, beleza pitoresca e, claro, pubs irlandeses. Um dos seus marcos mais emblemáticos é, portanto, o Temple Bar. Através da minha objetiva, numa serena manhã de domingo, testemunhei este famoso local de uma forma que poucos conseguem.

A Paleta do Amanhecer

Acordando com o ambiente das ruas de Dublin, passei pela Câmara Municipal e dirigi-me para o bairro de Temple Bar. Quando me aproximo do Temple Bar, a manhã apresenta a sua sinfonia de cores. À minha esquerda, o céu parecia ter sido pintado com um pincel embebido em sol dourado, iluminando o horizonte e lançando um brilho delicado sobre os arredores. À direita, o azul profundo da tela ainda não tinha sido tocado pelo amanhecer, uma lembrança da noite que acabara de passar.

No centro deste panorama dramático estava o orgulhoso edifício do Temple Bar. A icónica fachada vermelha do bar do rés do chão estava radiante, exalando calor e boas-vindas mesmo a esta hora. Por cima, a construção em tijolo vermelho dos dois andares superiores parecia imponente e resoluta. Curiosamente, as luzes do bar ainda estavam acesas, talvez um aceno para as festividades da noite ou um convite para o dia seguinte.

Um momento no tempo

Foi uma visão que poucos viram. O habitualmente movimentado bairro de Temple Bar estava num estado de repouso tranquilo. Sem uma única alma à vista, o bar parecia estar a fazer uma breve pausa, recolhendo-se antes de mais um dia de júbilo e melodias.

Esta fotografia teria sido um mero sonho se não fossem os encontros fortuitos e as decisões do dia anterior. Ou foi o encontro casual com Anthony, um fotógrafo local, na Ha’penny Bridge, na noite anterior – ele disse-me que as manhãs de domingo são boas porque os bares fecham mais cedo do que na Alemanha e os bêbados já estão em casa. Ou se foi a marcha incessante dos meus 31.000 passos nas primeiras 24 horas em Dublin. Os elementos tinham conspirado para me trazer a este momento exato de admiração.

Nas pegadas da História

Mas, embora o Temple Bar seja hoje sinónimo de alegria e folia, as suas raízes estão profundamente enraizadas na história de Dublin. As origens medievais do bairro e a subsequente remodelação no século XVII moldaram as suas ruas e edifícios, tecendo uma rica tapeçaria que é simultaneamente palpável e venerada. O próprio nome do bar pode até ser uma referência ao famoso bairro de Temple Bar, em Londres, que serviu como a principal portagem para a cidade durante a época medieval.

Quando as primeiras gotas de chuva começaram a cair, poucos minutos depois de ter captado a imagem, abriguei-me, reflectindo sobre as minhas primeiras 24 horas em Dublin. Desde o momento em que pus os pés na cidade, ela desvendou-se para mim, uma camada de cada vez. E no seu coração, o Temple Bar foi um testemunho do seu espírito e resiliência.

Picture of Nico Trinkhaus

Nico Trinkhaus

Nico Trinkhaus is the mind-blind photographer, using cameras to create visions and memories that otherwise would be lost to him.

More photos to discover:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nico Trinkhaus Portrait

Nico Trinkhaus
Photography

Do you like what you see?

Most of our photos are available as Fine Art Prints and can be licensed for business use. Contact us!